segunda-feira, 2 de maio de 2011

15ª colheita – passinho pra frente ... mas não fiquei satisfeita !!!

Essa semana procurei fazer tudo o melhor possível, comi chocolate sim, mas pouco, geralmente comia 2 bombons do tamanho de um alpino (as vezes até menor!), depois da janta.

Sábado me pesei, e vi na balança 81,9, nossa, fiquei mega feliz. Imaginei que na segunda provavelmente aumentaria um pouco, mas, apenas UM POUCO. Para minha tristeza e total raiva o resultado de hoje foi 83 kg. É bom, não posso reclamar, 500 gramas, tá ótimo, mas, pra quem viu no sábado um 81,9, é triste demais.

É claro que eu não fiz tudo certinho no final de semana. Comi um pouco a mais sim. No sábado tive um churrasco pra ir a noite. No domingo almoço na casa da minha mãe e algumas sobremesas. A tarde, ainda na minha mãe, um pedaço de bolo de milho e um pouco de pipoca. A noite, já em casa, um pouco a mais de chocolate.

Pode parecer loucura da minha parte (talvez seja mesmo!!), mas acho que meu excessos não eram pra tanto. Meu marido disse que pode ser porque não fui no banheiro nem no sábado e nem no domingo, será?

To pensando em me pesar amanhã cedo (caso eu vá ao banheiro hoje!) para ver se faz sentido o que ele diz. Hoje, na hora de almoçar, tive vontade de comer tudo o que queria, lotar o prato de carboidratos, mas, me segurei, não fiz um prato perfeito, mas, foi bom, diante do que poderia ter feito.

É assim mesmo, tenho que ter paciência, fé, persistência, que acredito que vou chegar lá. Vai demorar, mas, como já falei aqui, se até o meu aniversário eu chegar no 69,9, vou ficar bem feliz ! Eu gostaria, de verdade, de chegar no meu aniversário com uns 65, quem sabe? Não é impossível, ainda tenho tempo!

Tudo vale de lição. Para eu aprender a escolher uma sobremesa só quando minha mãe fizer um monte. Para não ficar contando vantagem sobre um peso que ainda pode sofrer alterações. Para me organizar e colocar as caminhadas como rotina na minha vida ...

Independente do que acontecer, não vou desistir não. Por mais pouquinho que seja, vou continuar lutando para emagrecer, esse ano vai ser diferente, ah se vai. Não vou chegar no meu aniversário me sentindo uma tonta de ter deixado a peteca cair. Posso chegar com um sentimento que poderia ter emagrecido mais, mas, não de que deixei minha vontade em segundo plano.

2 comentários:

luma disse...

Calma!!! A variação de peso pode ter "n" motivos.
Perseverança e força sempre.
Vc está indo muito bem.
Bj

Beth disse...

Eu acho que a pesagem tão seguida só serve para você ficar ansiosa, em face de resultados que não refletem, necessariamente, a realidade. Há variações diárias no peso, sim, por diversos fatores e não só pelo que comemos ou deixamos de comer ontem, anteontem. Há muita coisa envolvida e se você não avaliar isso, acabará ficando angustiada sem necessidade, ou até mesmo desmotivada, equivocadamente. Ou pensando em alguma coisa mais radical, indevidamente, tudo por não entender exatamente o que a balança está mostrando. Para muitos, estar no controle é pesar diariamente. Eu ainda acho, minha linda, que você poderia pesar-se semanalmente, logicamente mantendo-se firme a cada dia para que eftivamente, na pesagem, veja algo real. Força aí. VocÊ está indo bem, isso é certo. Beijo.